O que observar na hora de comprar lâmpadas?

Na hora de comprar lâmpadas, quase sempre você fica na dúvida sobre qual escolher, não é mesmo? Ainda mais se são oferecidas inúmeras opções como acontece hoje em dia.

Geralmente, escolhemos nossas lâmpadas pelo melhor preço e pelo melhor consumo, mas nem sempre conseguimos encontrar essas qualidades em uma mesma lâmpada. Porém, outra característica muito importante e que nem sempre prestamos muito a atenção é o tipo de iluminação que ela fornece, ou seja, as características do seu brilho.

Muitos fabricantes hoje em dia anunciam seus produtos comparando o consumo de suas lâmpadas, como por exemplo, fluorescentes de 15W e LED’s de 9W que se igualam a incandescentes de 60W.

Comparação de potência em diferentes embalagens.

Mas se o consumo é diferente, o que eles comparam? Na verdade eles usam o consumo para comparar a intensidade do brilho da lâmpada. Então como saber se aquela lâmpada realmente tem o mesmo brilho que uma de consumo diferente?

Além de comprar a lâmpada com as características corretas, você pode utilizar o aplicativo Bluelux para melhorar a eficiência energética de seu imóvel! Com o aplicativo você pode automatizar o imóvel e evitar o desperdício de energia com equipamentos e iluminação que ficam ligados 24h/dia. Saiba mais!

LÚMENS (lm)

Por isso é muito importante ficar atento a uma característica: quantos lúmens a lâmpada possui. O Lúmen (lm) é a unidade de medida de fluxo luminoso, ou seja, indica qual o brilho que aquela lâmpada pode fornecer em determinada área.

Através dos lúmens você tem certeza da quantidade de brilho que uma lâmpada fornece independente de seu consumo e comparação com outras lâmpadas.

Lúmens informados em diferentes embalagens.

TEMPERATURA DE COR (K)

Outra característica importante que deve ser levada em conta é: qual a temperatura de cor da lâmpada, ou seja, qual a cor do brilho que ela possui. A unidade de temperatura de cor é o Kelvin (K) e não tem nada a ver com a temperatura da lâmpada.

Já reparou que as lâmpadas incandescentes são mais amareladas e as lâmpadas fluorescentes mais brancas ou azuladas? Isso acontece porque essas lâmpadas possuem temperaturas de cor diferentes. Essa característica é essencial para a qualidade da luz de seu ambiente, seja decorativa ou não.

Temperatura de cor das lâmpadas, comprar lâmpadas

Temperatura de cor das lâmpadas

A temperatura de cor indica qual a cor que uma lâmpada irá brilhar quando estiver acesa. Na imagem abaixo é possível ver a escala de temperatura de acordo com a cor de luz que ela emite.

Temperatura de cor Fonte: Wikipedia, comprar lâmpadas

Temperatura de cor
Fonte: Wikipedia

Lâmpadas quentes como as incandescentes normalmente possuem temperaturas de cor mais baixas e lâmpadas frias como fluorescentes e LED normalmente possuem temperaturas de cor mais altas.

As luzes avermelhadas ou amareladas de velas e lâmpadas incandescentes são mais acolhedoras e aconchegantes e por isso são mais indicadas para ambientes como sala de estar e quartos. As luzes brancas ou azuladas são mais enérgicas e estimulantes e por isso são mais indicadas para ambientes de trabalho.

ÍNDICE DE REPRODUÇÃO DE COR (IRC)

Lembra da polêmica do vestido? Aquele em que algumas pessoas viam preto e azul e outras branco e dourado. Então, outra característica que as lâmpadas apresentam e que explicaria a confusão é o Índice de Reprodução de Cores.

comprar lâmpadas

Vestido que causou polêmica sobre sua cor
Fonte: G1

O Sol é a principal fonte de iluminação que nós temos e por isso enxergamos as cores verdadeiras com a sua iluminação. Em fontes de iluminação artificial, como lâmpadas, velas e outros, as cores podem não ser iguais às que vemos com a luz do Sol.

A escala do Índice de Reprodução de Cor (IRC) varia de 0 a 100, sendo que 100 equivale às mesmas cores que vemos com a luz solar. Quanto mais próximo de 100 o IRC de uma lâmpada for, significa que ela reproduz mais fielmente as cores que enxergamos com a luz do dia.

O IRC varia de lâmpada para lâmpada.  A maioria das lâmpadas incandescentes, por exemplo, possuem um IRC igual a 100 e por isso sua qualidade na reprodução de cores é muito boa. Já lâmpadas fluorescentes e LED geralmente possuem IRC próximo de 80, apresentando pequenas diferenças na reprodução das cores. Porém, com o avanço de novos tipos de tecnologia, algumas lâmpadas fluorescentes e LED já apresentam IRC igual 100.

Essa característica varia de acordo com cada lâmpada, está ligado ao tipo de tecnologia utilizada na sua fabricação e a função que ela deve desempenhar. Lâmpadas de luminárias de poste ou de rodovias, por exemplo, não precisam de um IRC alto, ao passo que lâmpadas para fotos e ambientes decorativos precisam de um IRC alto para que as cores sejam bem reproduzidas.

Um IRC de 80 a 100 é considerado ideal para a reprodução das cores. A imagem abaixo mostra um exemplo de iluminação com IRC alto e baixo de uma mesma foto. É importante ressaltar que o IRC não tem nada a ver com fluxo luminoso e temperatura de cor.

comprar lâmpadas

Fonte: LuxSide

Normalmente essas informações aparecem nas pequenas letras das embalagens, caixas das lâmpadas ou até mesmo nas próprias lâmpadas. Através dos lúmens você terá mais confiança sobre a quantidade de brilho de uma lâmpada e os kelvins te mostrarão como será a cor do brilho daquela lâmpada.

escolux dim especificacoes-min, comprar lâmpadas

IRC 80%

LÂMPADAS DIMERIZÁVEIS

Em um post anterior escrevemos sobre as vantagens das lâmpadas LED. Porém, esquecemos de avisar que nem todas as lâmpadas LED presentes no mercado são boas. A maioria das LED que temos hoje são muito simples, já que são produzidas tentando minimizar o custo ao máximo possível.

Essas lâmpadas, apesar de muito baratas, podem apresentar falhas, delay na hora de ligar, baixa qualidade de iluminação, tempo de vida curto (se comparado a outras lâmpadas LED) e não permitem sua dimerização. A dimerização também é outra característica muito importante de se observar na hora de comprar lâmpadas.

As lâmpadas dimerizáveis permitem que você controle seu brilho. Então como saber na hora de comprar lâmpadas se elas são dimerizáveis? Já realizamos um post explicando o que são lâmpadas dimerizáveis, mas vamos te ajudar também a identifícá-las na hora de sua compra.

Lampada50-min, comprar lâmpadas

LED dimerizável
Brilho em 50%

lampada100-min, comprar lâmpadas

LED dimerizável
Brilho em 100%

Todas as lâmpadas incandescentes são dimerizáveis. A maioria das lâmpadas dicróicas também são dimerizáveis. Lâmpadas Fluorescentes Compactas (CFL) ou lâmpadas LED dimerizáveis também existem, porém são um pouco mais difíceis de serem encontradas no mercado.

No entanto, com a proibição da venda lâmpadas incandescentes, acreditamos que as lâmpadas fluorescentes e LED dimerizáveis se tornem mais comuns ao longo do tempo, assim como as lâmpadas LED já são mais facilmente encontradas hoje em dia.

COMPRAR LÂMPADAS PELA INTERNET

Se você for comprar pela internet, a maioria dos sites apresentam na descrição ou nas características da lâmpada se ela é dimerizável ou não. Se não vier falando nada normalmente é porque a lâmpada não é dimerizável.

Anúncios de lâmpadas na internet e suas características.

Se você for comprar em uma loja física, na caixinha da lâmpada será informado se a lâmpada é dimerizável através das das palavras dimerizável, dimmable, DIM, ou então pelo símbolo de lâmpadas dimerizáveis.

Não dimerizável, comprar lâmpadas

Não dimerizável

Dimerizável, comprar lâmpadas

Dimerizável

Normalmente essas lâmpadas são um pouco mais caras do que as outras, justamente por permitirem o controle de seu brilho. Se suas lâmpadas são acionadas por transformadores, como as lâmpadas fluorescentes tubulares ou lâmpadas dicróicas, a especificação sobre dimerização deve estar escrita no transformador ou em sua embalagem.

Se você não possui a caixa de sua lâmpada ou em seu corpo não é informado se ela é dimerizável, verifique suas especificações na internet. Com a dimerização, além de controlar o brilho de acordo com sua preferência, você também economiza energia e pode aumentar o tempo de vida útil de sua lâmpada.

Não é sempre que você precisa de uma iluminação em 100% e com lâmpadas dimerizáveis você possui várias opções. Antes de dormir, por exemplo, é aconselhável que você diminua a intensidade das lâmpadas para se sentir menos alerta e mais relaxado.

******ATENÇÃO****** Se você tentar dimerizar uma lâmpada não dimerizável ela pode queimar.

Nós da Bluelux costumamos observar bem ao comprarmos nossas lâmpadas. Você pode inclusive comprar ótimas lâmpadas dimerizáveis, testadas e aprovadas pela gente em nossa loja https://loja.bluelux.com.br/.

Gostou do nosso post? Ele foi útil para você? Deixe seu comentário abaixo, avaliando e sugerindo temas ou dúvidas.

Também curta e entre em contato conosco através de nossas redes sociais no Facebook,  Twitter e Google+.

Fontes:
Blogoosfero – Como comprar sua próxima lâmpada
LuxSide – O que observar ao comprar uma lâmpada LED
Casa e Jardim – Conheça os tipos de lâmpada
LuxSide – Índice de Reprodução de Cor – IRC

Compartilhe o conteúdo deste artigo em suas redes sociais:

Menu